A visitar

PARQUE NACIONAL PENEDA GERES
Em Maio de 1971 foi criada o primeiro Parque Nacional, com uma área de 72.000 hectares. Engloba os concelhos de Melgaço, Arcos de Valdevez, Ponte da Barca, Terras do Bouro e Montalegre, e as serras da Peneda, Soajo, Amarela, Geres, e os planaltos do Laboreiro e Mourela. O ponto mais elevado nos carris é de 1508m. A floresta é dominada pelos carvalhos, assim como o azevinho, azereiro, vidoeiro, pinheiro e medrunheiro. O Clima é húmido, é a zona mais pluviosa do nosso território continental.

VILA DO GERES E TERMAS
Situada no coração do Parque Nacional da Peneda-Gerês e rodeada por lagos e montanhas, as termas do Gerês são das mais famosas do país, com uma envolvente paisagística de rara beleza. Conhecida e explorada pelos romanos, esta estância termal foi inicialmente construída no reinado de D. João V, e recebia visitas frequentes de D. Luís I e da rainha D. Maria Pia, acompanhados pelo príncipe D. Carlos e D. Amélia de Orleães. Em 1897 foi demolida, para dar lugar aos novos edifícios e à captação de águas.

CASCATA DO ARADO
A Cascata do Arado é uma das mais famosas quedas de água do Parque, que fascina quem contempla esta maravilha da natureza. O curso de água do rio Arado origina locais de grande beleza, como é o caso da cascata, que nos meses de verão, sobretudo aos fins de semana, é muito frequentada por quem pretende um banho refrescante. A Cascata do Arado está situada a uma altitude de cerca de 900 metros, criando uma sucessão de cascatas únicas, onde a água pura da montanha encara a dura rocha, plena de beleza.